Dr. David Nordon

Rua José António

Coelho 801 - Vila Mariana

São Paulo - SP

​​

E-mail

  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon

CRM 149.764

TEOT 15.305

Você está usando a cadeirinha de carro da forma correta?

 

 

Existem basicamente dois tipos de cadeirinhas para crianças: os bebê -conforto, que são geralmente para bebês de até um ano. Nestes, o bebê fica deitado, e é possível remover e levar pela alça ou prender no carrinho, em determinadas marcas.

 

As cadeirinhas, por outro lado, apesar de reclinarem, deixam o bebê mais sentadinho, são maiores e não dá para levar na mão. Algumas começam a partir de 0kg, mas a maioria vai de 9 a 36. A partir daí, usam-se adaptadores para o banco, que elevam a criança e usam o cinto do carro.

 

Mas, mais do que adequar a idade, é preciso saber como colocar a cadeirinha no carro. Pelas leis brasileiras, até um ano de idade, a criança deve ficar ao contrário - de costas para o motorista, olhando a traseira do carro.

 

Isso porque a criança tem uma cabeça proporcionalmente muito maior que a de um adulto, e, no caso de uma batida, o risco de lesão da coluna aumenta muito, pois não há amparo para a cabeça e ela chicoteia para frente. Usar a cadeirinha virada para frente aumenta o risco de lesões graves em 76%, e, no caso de colisões laterais, aumenta mais de 5 vezes!

 

Por isso, a Associação Americana de Pediatria recomenda usar a cadeirinha virada para trás até os dois anos, ou até o limite de altura e peso do fabricante, e se possível, até os 4 anos, como na Suécia.

 

Não é fácil, pois a criança, conforme cresce, quer ficar como a gente, mas é certamente mais seguro!

 

Ficou com alguma dúvida? Deixe um comentário ou marque sua consulta!

 

Um grande abraço,

Dr. David Gonçalves Nordon. 

 

CRM-SP 149764 TEOT 15305

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload